Minha hortinha de temperos

Olá pessoal, tudo bem?

Lembra que mostrei aqui algumas inspirações de hortinhas criativas e fofas? Pois então, depois de tanto namorar essas hortinhas, eu e a minha mãe fizemos uma bem pequena aqui para casa! 🙂

Na nossa horta tem apenas temperos: orégano, manjericão e tomilho. Tudo bem simples, mas para começar está bom né?

Essa é a nossa horta, ela fica em cima da pia, onde normalmente preparamos as refeições, e abaixo da janela, é um lugar  ótimo pois pega um pouco de sol indireto e é bem arejado sem ter contato direto com o vento.

IMG_1937

Nossa hortinha é bem simples, a primeira em uma jardineira pequena que coube dois vasinhos com mudas que compramos na floricultura (ou você pode comprar até no supermercado). Nós pagamos em média R$ 4,00 por vaso com muda. Nessa jardineira temos no primeiro vaso o tomilho e no segundo o orégano. No outro vaso o cultivo é de manjericão, e também foi o mesmo valor e no mesmo local que compramos as mudas. Neste caso, nós não plantamos nem transferimos os cultivos, apenas “maquiamos” eles, colocando em vasinhos mais bonitinhos, mas se você continuar a ler este post vou te ensinar várias maneiras de fazer sua própria horta. 🙂

Dicas de cultivo de temperos:

  • Alecrim:  esta planta adora a luz do dia e não gosta de ventos fortes, prefere tempos mais quentes, mas sobrevive bem no inverno, se a mesma ficar em um lugar fechado. Esse cultivo não precisa de muita água, portanto não encharque a terra onde ela foi plantada.

  • Cebolinha: esse cultivo prefere o verão e a primavera, deve ser regada no mínimo duas vezes ao dia e em pouca quantidade, também sem encharcar a terra. Da mesma forma que o alecrim ela não gosta muito de vento e no frio é melhor deixá-la dentro de casa.

  • Coentro: prefere os climas mais quentes e também deve ser regada com mais frequência, porém em poucas quantidades. Assim como as outras ela não cresce muito em climas muito frios e em contato direto com o vento forte.  Esta é uma erva muito delicada e seu cultivo é difícil.

  • Salsa /Tempero verde: Essa erva aromática cresce muito bem dentro de casa nos peitoris de janelas, ela prefere a terra mais úmida, porém não encharcada. É ótima para ser plantada junto com a cebolinha, pois juntas a incidência de fungos e parasitas é menor.

  • Hortelã/ Menta: esta plantinha resiste a altas e baixas temperaturas, necessita de luz e de um lugar arejado e com a terra úmida, o sistema de drenagem desta erva é muito importante pois se sua raiz ficarem alagadas elas podem apodrecer. Conforme a planta vai crescendo remova os talos e folhas mais altas, para que a planta receba luz por inteiro.

Para quem vai plantar sementes ou “transplantar” mudas, precisará:

  • 1 vaso ou jardineira;

  • Argila extendida ou pedrinhas;

  • Pazinhas;

  • Areia ou manta de drenagem.

  • Substrato ou terra adubada;

  • Mudas dos cultivos ou sementes;

  • Cascas de pinus;

OBS: todos os itens você encontra em floriculturas ou casas de jardinagem. 😉

Modo de elaboração:

1- Pegue seu vaso ou jardineira e coloque no fundo a argila extendida ou pedrinhas, em seguida cubra com uma camada de areia ou manta de drenagem. Esses procedimentos garantirão a drenagem aquedada da sua hortinha.

2 – Coloque o substrato ou a terra adubada no vaso ou jardineira, deixando a terra bem soltinha.

3 – Faça uma cova para cada muda que será plantada. DICA: veja antes como será a disposição das mudas na sua hortinha.  Para quem for fazer a sua hortinha com sementes, neste momento faça as covas de acordo com o que diz na embalagem de cada semente. 🙂

4 – Tire as mudas do vasinho que elas vieram, com muito cuidado para não danificar a raiz da plantinha.

5 – Inicie o plantio das mudas, retirando delicadamente o excesso de terra no entorno da raiz da muda, e coloque-a na cova.  cubra a raiz de terra e pressione delicadamente. A raiz não deve ficar solta na terra. Faça esse procedimento para cada muda plantada.

6 – Ajeite as cascas de pinus na terra, elas ajudam a manter a umidade, evitam a proliferação de ervas daninhas, além de deixar linda sua hortinha.

7 – Agora só regar sua hortinha e deixá-la em um lugar iluminado e arejado. 😀

DICA: Faça plaquinhas identificando as ervas ou os cultivos na sua hortinha, além de ficar lindo e dar um toque especial, fica fácil de reconhecer qual é a plantinha. As plaquinhas que eu fiz são bem simples, fiz com cartolina mesmo, mas você pode deixar a sua criatividade bem livre e ousar bastante. 😉

IMG_2079

 

IMG_2084

Espero que tenham gostado!

Um big beijo!

Blog Catha

Anúncios

One thought on “Minha hortinha de temperos

  1. Pingback: Retrospectiva 2014 | asrendeiras

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s